Bovespa fecha semana em queda e IEE perde 1,49%

Giro financeiro ficou em R$5,5 bilhões

Sem direção

A Bovespa encerrou a semana em queda de 2,2%, com os investidores digerindo a decisão da China em desvalorizar o yuan por três dias consecutivos.

Nesta sexta-feira, o Ibovespa perdeu 1,04% aos 47.508 pontos. Já o IEE fechou a semana em queda de 1,49% e hoje a desvalorização foi de 0,62% aos 21.810 pontos. O volume negociado na bolsa paulista hoje foi de R$5,5 bilhões.

“A semana foi marcada pela decisão da China, que assustou ao mexer com a moeda, o que fica barato para eles, fica caro para nós. Já a nossa questão política ficou ‘aparentemente’ um pouco mais calma, sem esquecer da Lava Jato. A Petrobras fechou acordo com a Receita Federal, o que acabou ficando bom para as duas partes. A estatal terá um impacto nos resultados do terceiro trimestre e a RF contribuirá no superávit primário”, analisou o diretor da Máxima Corretora, José Costa Gonçalves.

Para Costa, as surpresas da próxima semana deverão ocorrer com o resultado das manifestações populares marcadas para este domingo (16). ” Vamos ver a repercussão da passeata e ver como isso poderá alterar algumas medidas do governo federal e sem esquecer que estamos no meio da temporada de balanços financeiros”, finalizou.

A Petrobras decidiu incluir os débitos tributários no Programa de Parcelamento Especial. Ao incluir o REFIS, cujo valor atualizado é de R$ 6,0 bilhões, a o petroleira terá economia de 50%, com redução do valor do passivo para R$ 3 bilhões, dos quais R$ 876 milhões serão liquidados com prejuízos fiscais.

O dispêndio total será de R$ 2,1 bilhões, sendo que R$ 1,26 bilhão decorrerá da conversão do depósito judicial em pagamento definitivo e o restante será quitado parceladamente, com desembolso de R$ 536 milhões em 2015 e R$ 333 milhões em 2016 e 2017. O impacto negativo no resultado do 3º trimestre de 2015 será de R$ 2,0 bilhões, líquido de impostos.

Quanto às ações da elétricas, alguns papéis recuaram com resultados financeiros e outros devolvendo altas da semana.

Entre as altas no IEE estavam as ações da Equatorial ON (3,13% a R$34,55); AES Tietê PN ED (0,29% a R$17,23); Cesp PNB (0,35% a R$17,20); Tractebel ON (0,03% a R$34,79); e Trans Paulista PN (0,45% a R$40,29).

Na contramão no IEE estavam as ações da Cemig PN N1 (-2,91% a R$9,00); CPFL Energia ON (-4,28% a R$16,99); Eletropaulo PN (-2,31% a R$14,40); e Energias do Brasil ON (-1,54% a R$12,15).

Carteira teórica

Na carteira teórica do Índice Bovespa que passa a vigorar a partir de 05 de maio de 2015 a 4 de setembro de 2015 estão: Itauunibanco PN (11,144%), Bradesco PN (8,440%), Ambev S/A ON (7,378%), Petrobras PN (5,687%) e Petrobras ON (4,166).

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia