B3 recua e IEEX acompanha em 0,9%

O petróleo WTI negociado na Bolsa Mercantil de Futuros, Nova York, ficou em US$ 50,84 o barril, com queda de 0,37%

Arquivo:UI

A B3 devolveu a alta da abertura no começo da tarde desta quarta-feira, com a cautela para a política, com a Reforma da Previdência. Pesou também no sentimento dos investidores a ata do Federal Reserve e as questões geopolíticas, com os Estados Unidos se posicionando contra o ataque na Síria.

Ao final, o índice principal ficou em queda de 1,51% aos 64.774 pontos. O IEEX ficou em queda de 0,91%. O volume transacionado ficou em R$ 7,8 bilhões.

“O que se viu no final da tarde foi o mercado voltado para as questões políticas. A pesquisa de que o presidente Temer não teria sucesso na votação da Reforma da Previdência, despertou o alerta na Bovespa. De outro lado, a declaração de que os Estados Unidos podem intervir na Síria pesou diretamente em Wall Street e, consequentemente, por aqui. O mercado, que até alguns meses estava descolado da política, acabou voltando com os contrastes em Brasília”, avaliou o gerente de B3 da Hcommcor, Ari Santos.

Conforme divulgação de uma pesquisa do “Estadão” para o placar da Reforma da Previdência, com 240 deputados reijeitando as mudanças, o mercado voltou imediatamente de uma alta tímida já na sessão desta terça-feira (04).

No final da tarde, a ata do Federal Reserve sinalizou para a elevação gradual das taxas de juros, mas a possibilidade da redução do balanço de US$4,5 trilhões, que poderá ter possível impacto nos mercados, refletiu no humor dos investidores.

Para completar, ainda no cenário externo, as notícias geopolíticas vindas da Coreia do Norte, que lançou outro míssil de alcance intermediário, e um ataque químico na Síria, que deixou centenas de mortos, pesaram no sentimento do governo norte-americano, que cobrou uma decisão da ONU.

A ameça de que os Estados Unidos podem tomar uma ação unilateral contra a Síria, caso a ONU não adote nenhuma medida contra o ataque químico na cidade de Khan Sheikghun, declarada pela embaixadora norte-americana nas Nações Unidas, Nikki Haley, também pesou em todos os mercadsos nesta quarta-feira.

As ações com ganhos

Lojas Renner ON, alta de 1,87%; Estacio Participações ON, alta de 1,82%; Kroton ON, alta de 2,42%; RaiaDrogasil ON, alta de 2,10%; Multiplan ON, alta de 1,04%; e Ecorodovias ON, alta de 0,78%.

As ações com perdas

Santander UNT, queda de 5,09%; Siderúrgica Nacional ON, queda de 4,84%; Usiminas PNA, queda de 4,64%; e Eletrobras ON, queda de 3,57%.

A Petrobras ON estava em queda de 0,65% e a PN, queda de 1,89%.

A Vale ON estava em queda de 3,92% e a PN, queda de 3,69%.

Pagam dividendos hoje a Odontoprev

Carteira Teórica

A carteira teórica do Índice Bovespa que passou a vigorar entre e 02 de janeiro de 2017 a 28 de abril de 2017, com base no fechamento do pregão de 29 de dezembro de 2016, totaliza 59 ativos de 56 empresas e com a entrada da Eletrobras ON (ELET3). Os cinco ativos que apresentaram o maior peso na composição do índice foram: Itauunibanco PN (10,681%), Bradesco PN (7,740%), Ambev S/A ON (7,183%), Petrobras PN (6,008%) e Petrobras ON (4,592%).

Commodities

O petróleo WTI negociado na Bolsa Mercantil de Futuros, Nova York, ficou em US$ 50,84 o barril, com queda de 0,37%.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, fechou em alta de 2,63% a US$81,54 a tonelada seca e com 62% de pureza.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia