Brasil recebe primeira frota de ônibus a hidrogênio

Veículos não emitem poluentes, utilizando apenas vapor d’água que é eliminado pelo escapamento dos ônibus

Novos ônibus

O Estado de São Paulo recebeu a primeira frota brasileira de ônibus a hidrogênio para transporte urbano no País e da América do Sul. Os três coletivos, livre de emissão de poluentes, fazem parte de projeto dirigido pelo Ministério de Minas e Energia (MME).

Os veículos inaugurados não emitem poluentes, utilizando apenas vapor d’água que é eliminado pelo escapamento dos ônibus.  Os ônibus também apresentam 45% de energia renovável – contra 14% do resto do mundo -, colocando o país em uma posição de destaque mundial. Além do Brasil, os únicos países capazes de desenvolver e operar ônibus com tal tecnologia são Alemanha, Canadá e Estados Unidos.

Representando a futura geração da mobilidade sustentável, os coletivos já em circulação foram estampados com imagens de três pássaros da fauna brasileira, o Ararajuba, o Sabiá-Laranjeira e o Tuiuiú.

O projeto totalmente brasileiro foi coordenado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), direção do Ministério das Minas e Energia (MME) e recursos do Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF) e da Agência Brasileira de Inovação (FINEP).

*Com informações do PNUD

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia