Ibovespa fecha semana em alta e IEE fica no azul em 0,3%

Volume financeiro ficou em R$7,9 bilhões

Ibovespa

A bolsa de ações de São Paulo teve uma semana marcada pela volatilidade, com os investidores cautelosos com o cenário político, mas mesmo assim conseguiu manter a alta de 0,64%.

Já nesta sexta-feira, depois de atingir os 73 mil pontos, o Ibovespa voltou e ficou em 72.731 pontos, uma alta de 0,34%. O giro financeiro ficou em R$7,9 bilhões. O IEE ficou em alta de 0,31%.

“Na semana, a volatilidade marcou as negociações e com os ruídos sobre a reforma da Previdência. Já nesta sexta-feira, a ligeira alta foi a reação positiva do mercado é do empenho do governo em conseguir os votos necessários para a aprovação. De outro lado, os dados econômicos ajudaram, bem como os da China surpreendendo. Nos fundamentos da economia, os dados são os melhores para a bolsa, mas as questões políticas estão interferindo. As reformas são necessárias e urgentes, principalmente, neste momento com as agências de classificação de risco com os radares voltados para o Brasil”, destacou o analista de investimentos da Corretora Magliano, Carlos Soares.

As ações com ganhos
Ecorodovias ON, alta de 2,13%; Gerdau PN, alta de 3,82%; Gerdau Met. PN, alta de 2,88%; BRF ON, alta de 2,57%; e Santander R UNT, alta de 2,40%.

As ações com perdas
Kroton ON, queda de 3,96%; Cosan ON, queda de 2,09%; BB Seguridade ON, queda de 1,17%; Eletrobras ON, queda de 1,69%; e Eletrobras PNB N1, queda de 1,01%.

A Petrobras ON ficou em alta de 0,19% e a PN, alta de 0,59%.

A Vale ON ficou em alta de 0,40%.

Carteira Teórica

A Carteira Teórica, que passou a vigorar de 04 de setembro a 28 de dezembro no Ibovespa, mostra os cinco ativos com maior peso no índice: Itauunibanco PN (10,846%), Bradesco PN (8,485%), Ambev ON (7,039%), Petrobras PN (4,883%) e Vale ON (9,040%).

Commodities

O petróleo referência, Brent, ficou em alta na bolsa de Futuros de Londres em 2,37% aos US$64,34 o barril.

O petróleo WTI segue em alta de 1,13%, cotado a US$ 57,33o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, fechou em alta 5,56% a US$69,35 a tonelada seca e com 62% de pureza.

A celulose fibra longa negociada fechou US$972,00, alta de 1,30%, a tonelada na sessão anterior. A celulose fibra curta fechou em US$955,47 e alta de 0,26%, a tonelada.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia