Ministro Eduardo Braga

Leilões de energia continuam atraentes a investidores, diz Braga

Neste semestre, estão agendados dois leilões para venda de energia elétrica, com destaque para as fontes renováveis

Os leilões marcados para este ano já contam com centenas de interessados, apontam dados apresentados pelo Ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga. “Nossos leilões continuam sendo bastante atraentes para os investidores”, afirmou a jornalistas na manhã desta quinta-feira, 19 de março.

Neste semestre, estão agendados dois leilões para venda de energia elétrica, com destaque para as fontes renováveis – como eólica, biomassa e hidrelétrica.  Braga afirmou que para o Leilão de Fontes Alternativas de 2015 (marcado para 27 de abril), já estão cadastrados 570 projetos, que juntos têm capacidade instalada de quase 15 mil MW. Já para o Leilão A-5 (marcado para 30 de abril), 91 projetos apresentaram cadastro, com cerca de 20 mil MW, somados.

No segundo semestre, o leilão A-3, marcado para 24 de agosto, recebeu inscrições de 521 projetos, com potência de aproximadamente 19 mil MW.

Ainda estão previstos para este ano o 1º Leilão de Energia de Reserva de 2015, a ser realizado em 14 de agosto, com prazo para os empreendedores proporem a inclusão de projetos até 14 de abril; e o 2º Leilão de Energia de Reserva de 2015, a ser realizado em 13 de novembro, com prazo para inclusão de projetos aberto de 4 de maio a 18 de junho.

O ministro divulgou também que de janeiro e fevereiro deste ano entraram no Sistema Interligado Nacional (SIN) cerca de 1.000 MW novos, e vão entrar outros 5.400 MW até o final do ano. “Em março, está entrando outro volume significativo de energia”, afirmou Braga, sobre os dados que devem ser informados na próxima reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE).

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia