Petrobras e ExxonMobil formam Aliança Estratégica

Petroleira anunciou também a alienação de 100% da participação acionária na BSBios

Flickr Creative Commons

A Petrobras e a ExxonMobil assinaram hoje um Memorando de Entendimento referente a uma aliança estratégica para identificar e avaliar potenciais oportunidades de negócios.

O Memorando de Entendimento foi assinado no Rio de Janeiro pelo presidente da Petrobras, Pedro Parente, pelo presidente da ExxonMobil Upstream Ventures, Brad Corson, e pelo presidente da ExxonMobil Exploration Company, Stephen Greenlee.

Petrobras e ExxonMobil avaliarão áreas de interesse mútuo onde possam somar suas experiências de classe mundial em todos os setores da cadeia de valor da produção de petróleo e gás, incluindo oportunidades de cooperação em exploração, produção, gás e produtos químicos, dentro e fora do Brasil.

Para a Petrobras, a realização de alianças é uma estratégia importante do Plano de Negócios e Gestão 2017-2021, que podem trazer benefícios significativos como o compartilhamento de riscos, o aumento da capacidade de investimentos na cadeia de óleo e gás, o intercâmbio tecnológico e o fortalecimento da governança corporativa.

Esse acordo exemplifica e reforça o relacionamento estratégico da ExxonMobil com a Petrobras e a contínua ênfase no crescimento desta relação e de seus negócios no Brasil, fortalecendo sua presença de mais de 100 anos no país.

Em setembro, a Petrobras e a ExxonMobil adquiriram conjuntamente seis blocos offshore na Bacia de Campos na 14ª rodada de licitações da ANP.

Alienação de 100% da participação acionária na BSBios

Ainda hoje, a estatal brasileira iniciou a etapa de divulgação da oportunidade (Teaser) referente ao processo de alienação de 100% da sua participação das ações detidas pela Petrobras Biocombustíveis (PBIO), subsidiária integral da Petrobras, na empresa BSBios, que correspondem a 50% do capital da companhia.

A BSBios detém a propriedade de duas usinas produtoras de biodiesel, localizadas em Passo Fundo-RS e em Marialva-PR, sendo a maior produtora brasileira de biodiesel. Ambas as usinas têm capacidade de produção de 288 mil m³/ano de biodiesel.

Além do Teaser, as principais etapas subsequentes do projeto de desinvestimento da companhia serão divulgadas, conforme abaixo:

· Início da fase não-vinculante (quando for o caso);
· Início da fase vinculante;
· Concessão de exclusividade para negociação (quando for o caso);
· Aprovação da transação pela alta administração (Diretoria Executiva e Conselho de Administração) e assinatura dos contratos;
· Fechamento da operação (closing).

A divulgação ao mercado está em consonância com a sistemática para desinvestimentos da Petrobras e está alinhada às orientações do Tribunal de Contas da União (TCU).

O Teaser, que contém as principais informações sobre a oportunidade, bem como os critérios objetivos para a seleção de potenciais participantes no processo, está disponível no site da Petrobras: http://www.investidorpetrobras.com.br/pt/comunicados-e-fatos-relevantes.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia