Petrobras tem queda de 1,3% na produção de petróleo e gás natural em março

Produção de 2 milhões 764 mil barris de óleo equivalente por dia (boed) é superior em 8,3%

Divulgação

A produção de petróleo e gás natural no Brasil e no exterior da Petrobras registrou queda em março, 2 milhões 764 mil barris de óleo equivalente por dia, 1,3 % inferior ao patamar registrado em fevereiro de 2015 (2 milhões 801 mil boed).

Desse total, 2 milhões 574 mil boed foram produzidos no Brasil e 189,9 mil boed no exterior. A produção de 2 milhões 764 mil barris de óleo equivalente por dia (boed) é superior em 8,3% ao volume produzido em março de 2014, de 2 milhões 551 mil boed.

Produção de óleo e gás no Brasil

A produção total de petróleo e gás natural no Brasil, em março, foi de 2 milhões 574 mil boed, 1,4% inferior ao patamar registrado em fevereiro (2 milhões 612 mil boed), e 10,4% superior à produção de março de 2014 (2 milhões 331 mil boed).

A produção total de petróleo e gás natural operada no Brasil – que inclui a parcela operada para as empresas parceiras – foi de 2 milhões 834 mil boed, 0,7% inferior ao patamar registrado em fevereiro (2 milhões 854 mil boed).

A produção exclusiva de petróleo no Brasil foi de 2 milhões 108 mil barris por dia (bpd), 1,8% abaixo da produção de fevereiro, de 2 milhões 146 mil bpd. A produção de petróleo operada no país foi de 2 milhões 297 mil de bpd, 0,9% inferior à do mês anterior (2 milhões 319 mil bpd).

A redução no volume produzido em março deveu-se, principalmente, à parada temporária da plataforma P-58, que entrou em operação em 17 de março de 2014 e passa por fase final de testes e ajustes de seus sistemas de produção. De 18 de março a 8 de abril de 2015, paralisamos a produção da unidade para fazer manutenções preventivas e melhorar a eficiência operacional de alguns sistemas, cumprindo as normas vigentes e determinações da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção própria de gás natural no Brasil, excluído o volume liquefeito, foi de 74 milhões de m³/dia em março, mantendo o mesmo patamar do mês anterior.

A produção de gás sem o volume liquefeito, incluindo a parcela das empresas parceiras, atingiu 85,5 milhões de m³/dia. O aproveitamento do gás produzido continuou em patamares elevados, atingindo 95,9% no mês de março.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia