Siemens vai construir estrada elétrica na Suécia

O sistema de cabos aéreos eletrificará um trecho de dois quilômetros da estrada E16 ao norte de Estocolmo

Siemens avança

O grupo industrial e tecnológico alemão Siemens construirá a primeira estrada elétrica na Suécia, país que pretende que o setor do transporte fique livre dos combustíveis fósseis até o ano de 2030.

A Siemens informou nesta quinta-feira que se trata do primeiro projeto de demonstração na Europa e será realizado em colaboração com a fabricante de caminhões sueca Scania.

A companhia alemã explicou que será “instalado um sistema de cabos aéreos para caminhões híbridos na Suécia” e que o contrato foi direcionado pela Administração de Transporte da Suécia ao condado de Gävleborg.

O sistema de cabos aéreos eletrificará um trecho de dois quilômetros da estrada E16 ao norte de Estocolmo.

Os resultados do teste estarão disponíveis dois anos depois do começo da fase de demonstração, e se traça como objetivo demonstrar o funcionamento do sistema para seu uso comercial futuro.

“A estrada elétrica é duas vezes mais eficiente que os motores de combustão interna. Isto significa que não só se reduz à metade o gasto de energia, mas também se reduz a poluição no ar local”, ressaltou o diretor de tecnologia da divisão de Mobilidade da Siemens, Roland Edel.

“O híbrido elétrico é o primeiro passo rumo aos veículos elétricos, que desempenharão um papel cada vez mais importante no desenvolvimento do transporte de mercadorias sustentável”, segundo Edel.

O núcleo do sistema é um pantógrafo – sistema articulado de barras situado no teto dos veículos elétricos – inteligente combinado com um sistema híbrido de propulsão.

“Um sistema de sensores permite ao pantógrafo se conectar ao sistema de cabos aéreos e se desconectar automaticamente a velocidades de 90 km/h”, segundo a Siemens.

Os caminhões equipados com este sistema utilizam a energia elétrica da linha aérea de contato, permitindo que circulem de maneira eficiente e com zero emissões diretas enquanto são conduzidos.

Nas estradas suecas que não disponham desta infraestrutura de cabos, os veículos poderão usar o sistema híbrido diesel.

O projeto de demonstração será realizado na E16 que conecta as regiões de Dalarna e Gävleborg – regiões industriais dominadas pelas indústrias do aço, papel e mineração – com o porto de Gävle.

Durante a fase de demonstração serão usados dois veículos: caminhões híbridos elétricos fabricados pela Scania e adaptados para operar neste sistema de cabos aéreos.

Na Califórnia, a Siemens trabalha com o fabricante de veículos Volvo em um projeto de demonstração similar de estrada elétrica, situada nas proximidades dos portos de Los Angeles e Long Beach.

Com Ag.EFE

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia