Subsistema Sul apresenta elevação no mês de junho, mostra MME

Armazenamento equivalente do subsistema Norte-Interligado atingiu 80,5 %EAR

Níves dos reservatórios

Segundo dados do Boletim Mensal de Monitoramento do Setor Elétrico, divulgado pelo Ministério de Minas e Energia (MME), a energia armazenada no mês de junho no subsistema Sul mostrou elevação, pequeno aumento no subsistema Sudeste/Centro-Oeste e queda nos subsistemas Nordeste e Norte, mas ainda todos os subsistemas permanecem com níveis de armazenamento inferiores aos registrados na mesma época do ano de 2014. Neste mês, houve contribuição de aproximadamente 14.689 MWmédios de produção térmica, valor cerca de 800 MWmédios superior ao verificado no mês anterior.

Houve aumento de 0,1 p.p. no armazenamento equivalente do subsistema Sudeste/Centro-Oeste durante o mês de junho, atingindo 36,1 %EAR, valor 0,2 p.p. inferior ao verificado no final de junho de 2014 (36,3 %EAR), e 7,5 p.p. superiores ao armazenamento no mesmo mês de 2001 (28,6 %EAR). As disponibilidades energéticas da UHE Itaipu foram exploradas prioritariamente nos períodos de carga média e pesada, sendo que nos períodos de carga leve sua geração foi dimensionada para fechamento do balanço energético do SIN, respeitando-se as restrições operativas da usina e os limites elétricos vigentes na interligação Sul – Sudeste/Centro-Oeste.

Na região Sul, em função das condições hidroenergéticas, a geração das usinas hidrelétricas foi dimensionada visando à manutenção ou o replecionamento do nível de armazenamento de seus reservatórios, sendo suas disponibilidades energéticas exploradas prioritariamente nos períodos de carga média e pesada. Nesse contexto, houve um replecionamento do reservatório equivalente em 25,6 p.p em comparação com maio de 2015, atingindo 63,7 %EAR ao final do mês, valor 31,1 p.p. inferior ao armazenamento do final do mês de junho de 2014 (94,8 %EAR).

No subsistema Nordeste houve deplecionamento de 1,7 p.p. no reservatório equivalente, atingindo 25,3 %EAR ao final do mês de junho, valor 11,3 p.p. inferior ao verificado ao final de junho de 2014 (36,6 %EAR) e 0,7 p.p. superiores ao armazenamento no mesmo mês de 2001 (24,6 %EAR). Foi mantida a geração hidráulica em valores mínimos, sendo a geração térmica e eólica locais e o recebimento de energia da ordem de 1.537 MWmédios responsáveis pelo fechamento do balanço energético do subsistema. A defluência da UHE Três Marias foi mantida com valor da ordem de 300 m³/s, em uma operação integrada da cascata e da bacia do Rio São Francisco, continuando a assegurar o atendimento aos usos múltiplos. No dia 6 de junho foram iniciados os testes de defluência de 950 m³/s em período integral nas UHEs Sobradinho e Xingó e no dia 13 de junho foram iniciados os testes de defluência de 900 m³/s em período integral nestas usinas, permanecendo com defluência desta ordem a partir desta data.

O armazenamento equivalente do subsistema Norte-Interligado atingiu 80,5 %EAR ao final do mês de junho, apresentando deplecionamento de 2,0 p.p em comparação ao mês anterior, e 11,2 p.p. inferiores em relação ao armazenamento do final de junho de 2014 (91,7 %EAR). Em função da redução nas afluências à UHE Tucuruí, e visando a política de preservação dos armazenamentos nos reservatórios de cabeceira das regiões Sudeste/Centro- Oeste e Nordeste, a geração desta usina foi dimensionada para fechamento do balanço energético do SIN, respeitando-se a ordem de prioridade definida para a geração das usinas hidrelétricas do SIN.

Com relação aos principais reservatórios do SIN, a variação percentual de energia armazenada mais relevante no mês de junho de 2015 refere-se ao replecionamento de 4,1 p.p. na UHE Itumbiara (atingindo 38,0% v.u.). Por sua vez, ao final do mês de junho, a UHE Ilha Solteira encontrava-se com armazenamento de cerca de 28,1% v.u., referenciado ao seu volume útil máximo, considerando operação individual, o que corresponde a um deplecionamento de 0,3 p.p. em relação ao armazenamento verificado em maio de 2015.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia