Subsistema Sul ficou com variação negativa em 2,1% em fevereiro

Em relação a janeiro de 2015, verifica-se um decréscimo de 1,2%

Os valores de carga de energia verificados em fevereiro de 2015 pelo Sistema Integrado Nacional (SIN) indicam variação negativa de 2,1%, em relação aos valores do mesmo mês do ano anterior. Com relação a janeiro de 2015, verifica-se um decréscimo de 1,2%. No acumulado dos últimos 12 meses o Sul apresentou um crescimento de 3,2% em relação ao mesmo período anterior.

A carga demandada pelas classes residencial e comercial e o desempenho do setor agroindustrial foram os fatores que influenciaram a taxa de crescimento observada nesse período.

A taxa de crescimento da carga desse subsistema em fevereiro de 2015 é explicada pela menor persistência de temperaturas elevadas ao longo do mês em comparação ao mesmo período do ano anterior e, ainda, pelo efeito do período que compreende o feriado de carnaval, que no ano passado aconteceu no mês de março e este ano ocorreu em fevereiro.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia