ACCIONA Windpower inaugura fábrica de aerogeradores no Brasil

Fábrica localizada em Simões Filho (BA) monta aerogeradores de maior potência no Brasil Cerimônia foi presidida pelo governador da Bahia e pelo presidente mundial do Grupo ACCIONA

Aerogeradores em alta

A ACCIONA Windpower, empresa do grupo ACCIONA dedicada ao desenho, fabricação e venda de aerogeradores, inaugurou nesta quinta-feira (13) sua fábrica de montagem de aerogeradores de Simões Filho, na Bahia, na qual já se produzem todas as unidades 3 MW destinadas ao mercado brasileiro.

A fábrica da ACCIONA Windpower tem capacidade de 100 turbinas/ano (300 MW), com opção de ampliar para até 200 turbinas/ ano (600 MW). Estas turbinas estão dentro da maior faixa de potência das turbinas instaladas no Brasil – 3 MW -, com as maiores dimensões de rotor – até 125 metros de diâmetro –,instaladas sobre torres de concreto de 100 e 120 metros.

A planta, que ocupa área de 5 mil m2, com mais 7 mil m2 de armazenagem, gerou 150 empregos diretos e 500 indiretos. Nela também são fabricados os cubos eólicos que a ACCIONA já produzia desde 2013.

“O evento que celebramos hoje demonstra a nossa aposta industrial no Brasil, concretizada no estado da Bahia; a nossa vocação de permanência neste mercado e a receptividade que o aerogerador AW3000 recebeu entre os promotores da energia eólica no País”, afirmou José Manuel Entrecanales, presidente mundial do Grupo ACCIONA.

Desde que iniciou sua comercialização no Brasil, em 2012, a ACCIONA Windpower assinou contratos para 1.020 MW. Atualmente há dois parques eólicos em operação, com aerogeradores AW3000, no Rio Grande do Sul e no Rio Grande do Norte. Estão em construção dois parques no Rio Grande do Norte. Nos próximos anos, estão previstos também projetos no Rio Grande do Norte, no Ceará e no Piauí.

A ACCIONA Windpower emprega, no Brasil, 288 empregados. O Grupo ACCIONA está presente no Brasil desde 1996, onde emprega mais de 1.000 trabalhadores.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia