Energisa: Consumo de energia fica em 2.594 GWh em outubro

Volume contempla nove distribuidoras e significa alta de 9% em relação ao mês anterior

Energisa

O consumo de energia elétrica do Grupo Energisa apresentou crescimento pelo sexto mês consecutivo. No mês de outubro as nove distribuidoras da Energisa consumiram 2.594,3 GWh, aumento de 9% em relação ao mesmo mês do ano passado, com avanços expressivos em todas as classes (residencial, industrial comercial e rural). O aumento é um termômetro do início da retomada da economia em regiões importantes para o país, como Centro-Oeste e interior paulista. As classes residencial e industrial foram as principais responsáveis pelo desempenho no mês, com incremento de 10% e 8,5%, respectivamente. A concessão do Tocantins apresentou aumento de 18%, as empresas do grupo no Centro-Oeste, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul vêm logo em seguida, com 13% e 10,9% de incremento respectivamente.

No Tocantins, o crescimento industrial foi favorecido, principalmente, pela indústria cimenteira e pelo segmento de produtos químicos, enquanto no Mato Grosso houve expressivo incremento no consumo de clientes esmagadores de grãos. Nos 10 meses de 2017, o consumo de energia elétrica no mercado cativo e livre (24.554,3 GWh) do Grupo Energisa apresentou aumento de 3,4% em relação ao mesmo período do ano anterior.

“Por conta da diversidade geográfica e por estar em regiões de maior crescimento do país, o mercado das empresas do Grupo Energisa apresenta crescimento acima do consumo médio nacional, que até setembro, havia crescido apenas 0,3%”, disse Ricardo Botelho, presidente do Grupo Energisa.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia