Guarani recebe Selo Energia Verde

A Guarani, empresa do Grupo Tereos, acaba de receber mais um reconhecimento pela qualidade de seus produtos e procedimentos. A Unidade Industrial Cruz Alta, localizada em Olímpia (SP), …

Produção

A Guarani, empresa do Grupo Tereos, acaba de receber mais um reconhecimento pela qualidade de seus produtos e procedimentos. A Unidade Industrial Cruz Alta, localizada em Olímpia (SP), foi certificada pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) e pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) com o Selo Energia Verde.

O Selo, lançado hoje na sede da UNICA, em São Paulo, foi concedido para usinas geradoras de bioeletricidade a partir do bagaço e palha de cana-de-açúcar, signatárias do Protocolo Agroambiental do Setor Sucroalcooleiro Paulista (assinado pelo governo paulista e setor sucroenergético em 2007), que atenderam a vários critérios de sustentabilidade e requisitos de eficiência energética. Empresas que utilizam pelo menos 20% de energia limpa em suas instalações também receberam o certificado.

Os projetos de cogeração de energia elétrica para a venda tiveram início na Guarani em 2003.  A energia produzida a partir do bagaço da cana-de-açúcar é limpa e renovável, contribuindo para o desenvolvimento sustentável do Brasil, uma vez que reduz a emissão de gases poluentes que causam o efeito estufa.

“A certificação recebida pela Guarani demonstra a habilidade da unidade na cogeração de energia e é um reconhecimento do trabalho que a Guarani vem fazendo na área de bioletricidade, que cada vez mais vem se mostrando importante na rentabilidade do negócio sucroenergético”, diz Jacyr Costa, diretor da Divisão Brasil do Grupo Tereos.

Desde 2011, a Guarani quadruplicou os investimentos em sua capacidade de cogerar energia, passando de 300 mil  MWh, em 2011, para 1,2 GWh, em 2016. Na safra 2013/14, a empresa produziu 750 mil MWh de energia para o sistema elétrico e estima comercializar mais de 1 GWh na atual safra (2014/15).

1 achou esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia