Presidente da Renova renúncia ao cargo

Sem muitos detalhes sobre a decisão, a Renova deverá eleger novo nome para o cargo a partir de 28 de fevereiro

Renova e a mudança

A Light, conforme Fato Relevante apresentado à Comissão de Valores Mobiliários – CVM, anunciou a renúncia do diretor presidente da Renova Energia, empresa controlada pela Light.

O comunicado explica que Carlos Figueiredo Santos apresentou ao presidente do Conselho de Administração, a renúncia ao cargo de diretor presidente da Companhia nesta segunda-feira (19).

Figueiredo Santos permanecerá no cargo até́ o dia 28 de fevereiro de 2018 e, caso não seja eleito seu substituto até́ tal data, o atual diretor vice presidente de Finanças assumirá interinamente a função, conforme termos do Estatuto Social vigente e do
Acordo de Acionistas celebrado em 19 de dezembro de 2014.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia