Voith assume modernização das UHEs Ilha Solteira e Jupiá

Nesta primeira fase, a Voith modernizará quatro unidades geradoras – duas de cada usina

Acervo - Cesp

A Voith Hydro, uma das gigantes no fornecimento de tecnologia hidrelétrica no mundo, vai executar a primeira etapa de modernização de duas importantes usinas hidrelétricas localizadas no estado de São Paulo: Ilha Solteira e Jupiá. Há mais de 40 anos, a Voith participou de parte do fornecimento de turbinas e geradores para as mesmas usinas, que faziam parte de um dos maiores complexos hidrelétricos do mundo à época.

Ambas são controladas pela CTG Brasil, segunda maior geradora privada de energia do País, com capacidade instalada de 8,27 GW. Em 2015, após a concessão das usinas ter terminado, o Governo Federal brasileiro realizou um leilão, vencido pela empresa.

Nesta primeira fase, a Voith fará a reabilitação de quatro unidades geradoras – duas de Ilha Solteira e duas de Jupiá, com seus respectivos equipamentos auxiliares, além de sua Automação, fornecimento de transformadores e modernização de equipamentos de levantamento. Esse processo tem como objetivo restaurar os equipamentos até sua condição original, estendendo a vida útil e confiável das máquinas, aliado à redução dos custos de manutenção.

A Usina Hidrelétrica Engenheiro Souza Dias, mais conhecida como Jupiá, encontra-se no Rio Paraná, entre as cidades de Três Lagoas (Mato Grosso do Sul) e Castilho (São Paulo). No total, ela possui 14 unidades geradoras tipo Kaplan, que geram até 1.551,2 MW, e conta com dois grupos turbina-gerador para serviço auxiliar.

Já a Usina de Ilha Solteira é a maior do estado de São Paulo e a sexta maior do Brasil. Localizada no rio Paraná, entre os municípios de Ilha Solteira (SP) e Selvíria (MS), tem potência instalada de 3.444,0 MW e 20 unidades geradoras com turbinas tipo Francis. Além de ser uma grande produtora de energia elétrica, Ilha Solteira tem fundamental importância para o controle da tensão e frequência do Sistema Interligado Nacional (SIN).

“Com o crescente avanço da tecnologia, cada vez mais se pode verificar ganhos significativos ao se modernizar sistemas e equipamentos de usinas antigas.” aponta Marcos Blumer, presidente e CEO da Voith Hydro América Latina.

“A Voith São Paulo, somente nos últimos 20 anos, foi responsável pela modernização de cerca de 23.000 MW distribuídos em 130 diferentes unidades geradoras no mundo. No Brasil, a empresa já modernizou mais de 8.000 MW e, atualmente, está modernizando mais de 8,4 GW (sete projetos distintos) no Brasil e na América Latina.” complementa Blumer. “A extensão da vida útil dos equipamentos neste projeto contribuirá para o aumento da confiabilidade, culminando em maior disponibilidade, justificando o investimento em modernização em Ilha Solteira e Jupiá. Estamos animados para começar os trabalhos”, finaliza.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia