CCEE: PLD é fixado em R$ 140,18/MWh no Sudeste, Nordeste e Norte

Preço da quarta semana de junho sai do valor mínimo no Sul e sobe para R$ 87/MWh

CCEE

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 17 e 23 de junho subiu 49% nos submercados Sudeste/Centro-Oeste e Norte ao ser fixado em R$ 140,18/MWh. O preço no Nordeste passou de R$ 123,25/MWh para os mesmos R$ 140,18/MWh, aumento de 14%. No Sul, o PLD saiu do valor mínimo (R$ 33,68/MWh) e foi fixado em R$ 87/MWh (+158%).

Os limites de intercâmbio referentes ao recebimento de energia pelo Nordeste deixam de ser atingidos, igualando o preço deste submercado ao PLD do Sudeste e do Norte. Já o limite de envio pelo Sul é atingido (nos patamares de carga média e pesada), desacoplando o preço em relação aos demais submercados.

Mesmo ainda acima da média histórica para o período (132%), a previsão de afluências em todo o Sistema foi reduzida em 5.800 MWmédios e contribui para o aumento do PLD em todo o país. As ENAs são esperadas em 106% da média no Sudeste, 297% no Sul, 34% no Nordeste e em 61% da média no Norte.

Já a expectativa de carga para a próxima semana deve ficar 100 MWmédios mais alta do que a anterior com elevação prevista no Sudeste (+200 MWmédios) e queda no Sul (-100 MWMédios). Não há alterações esperadas para a carga no Nordeste e Norte.

Os níveis dos reservatórios do SIN ficaram em torno de 880 MWmédios acima da previsão com elevações no Sudeste (+205 MWmédios) e no Sul (+680 MWmédios). No Nordeste, os níveis não se alteraram e no Norte estão 15 MWmédios inferiores à expectativa da semana anterior.

O fator de ajuste do MRE previsto para junho é de 79,5%. Os Encargos de Serviços do Sistema – ESS são esperados em R$ 107 milhões para o período, sendo R$ 52 milhões referentes à segurança energética.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia