Ibovespa segue acima dos 66 mil pontos

Volume financeiro segue para os R$ 4 bilhões

Arquivo: UI

O Ibovespa opera em alta nesta terça-feira, com os investidores analisando os últimos resultados corporativos, em especial dos bancos e gigantes de celulose.Um dos players puxando o índice é a Suzano Papel, que deve estrear no Novo Mercado, o nível mais alta da B3. Os preços das duas principais commodities estão no negativo, petróleo e minério de ferro.

Há pouco, o Ibovespa estava em alta de 0,78% aos 66.432 pontos. O volume financeiro seguia para os R$4 bilhões. O IEE estava em alta de 0,09%.

As ações com ganhos
Suzano Papel PNA, alta de 8,27%; Itau Unibanco PN, alta de 3,05%; Itausa PN, alta de 3,14%; Fibria ON, alta de 2,96%; e WEG ON, alta de 2,11%.

As ações com perdas
MRV ON, queda de 3,21%; Cosan ON, queda de 2,55%; Qualicorp ON, queda de 2,04%; e Bradespar PN, queda de 1,65%.

A Petrobras estava em queda de 1,09% e a PN, queda de 1,05%.

A Vale ON estava em queda de 1,02% e a PN, queda de 1,27%.

Carteira Teórica

A Carteira Teórica, que passou a vigorar de 02 de maio a 01 de setembro no Ibovespa, mostra os cinco ativos com maior peso no índice: Itauunibanco PN (11,453%), Bradesco PN (8,244%), Ambev S/A ON (7,299%), Petrobras PN (5,331%) e Vale PNA (4,727%).

Commodities

O petróleo WTI, para entrega em setembro, segue em queda 3,35%, cotado a US$ 48,49.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, fechou em queda de 0,19% aos US$73,56 a tonelada seca e com 62% de pureza.

 

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia