ANP E DDSD fiscalizam revendas de gás de botijão

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a  Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) do Rio de Janeiro realizaram ontem (14/01) uma operação …

ANP e o Plano

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a  Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) do Rio de Janeiro realizaram ontem (14/01) uma operação conjunta para combater a aquisição, armazenagem, distribuição e revenda de gás de botijão (GLP) em desacordo com as normas legais em vigor. Dois dos agentes econômicos foram autuados e interditados por descumprimento das normas vigentes. A Agência dedicou atenção especial à qualidade dos botijões. Em cada revendedor fiscalizado foram verificados lotes amostrais de 100 unidades, num total de 600, não sendo encontrados botijões cheios de GLP não requalificados (fora da validade). As equipes da ANP atuaram nos municípios de Duque de Caxias, Nova Iguaçu e São João de Meriti em revendedores autorizados de grande porte (Classes IV, V e VI).

As equipes da DDSD e de outras delegacias especializadas atuaram nos municípios de Nova Iguaçu, Belford Roxo e São João de Meriti. Na operação, foram verificados diversos pontos previamente identificados como revendas irregulares de GLP. Nove pessoas foram presas em diversos bairros do município de Belford Roxo por estarem atuando clandestinamente no comércio de GLP, tendo sido apreendidos 76 botijões e uma motocicleta que fazia o transporte desse produto de forma irregular pondo em risco a população. Após autuados em flagrante, os presos foram liberados mediante pagamento de fiança arbitrada pela autoridade policial.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia