MME disponibiliza Sistema de Declaração Digital para Leilão A-4

DDIG a Declaração de Necessidades de Compra de Energia Elétrica para o certame de 04 de abril de 2018 estará disponível a partir de amanhã (01)

Mais energia

Atendendo  Portaria do Ministério de Minas e Energia (MME nº 465, de 30 de novembro de 2017) será disponibilizado o Sistema DDIG que contém o modelo de “DECLARAÇÃO DE NECESSIDADES DE COMPRA DE ENERGIA ELÉTRICA” e o documento “TERMO DE COMPROMISSO DE COMPRA DE ENERGIA ELÉTRICA” do Agente de Distribuição. O disponibilidade é a partir de amanhã (01).

Os Agentes de Distribuição deverão apresentar suas declarações preenchendo ambos documentos com vistas ao Leilão de Energia Elétrica A-4 de 2018 que preveem a contratação de energia elétrica proveniente de empreendimentos novos, com início de entrega em 1º de janeiro de 2022 para os PERIODOS DE SUPRIMENTO e Submercados constantes da Declaração.

As Declarações de Necessidades deverão ser introduzidas por meio do Sistema DDIG que se encontra disponível na página do Ministério de Minas e Energia na rede mundial de computadores, no endereço http://www.mme.gov.br, até o dia 06 de fevereiro de 2018.

Serão aceitas somente por meio eletrônico no “Sistema de Declaração Digital – DDIG” e serão consideradas irrevogáveis e irretratáveis servindo para posterior celebração dos CCEARs.

Quaisquer outros documentos, ressalvas ou condições serão desconsiderados.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

O Sistema DDIG está apto a funcionar apenas nos seguintes browsers:

· Internet Explorer 8 ou superior

· Mozilla Firefox 51 ou inferior (32 bits)

· Mozilla Firefox 52 ESR (32 bits).

O sistema DDIG é acessado por e-CNPJ ou e-CPF.

Se houve alteração em uma dessas informações será necessário a atualização do “token” do usuário habilitado, o que poderá ser realizado em uma unidade certificadora. Mais informações podem ser obtidas no site do ITI.

Se a empresa não dispor de um “token válido ou se as informações não estiverem atualizadas no Sistema DDIG, não será possível acessá-lo.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia