Barril do Texas fecha em alta de 1,71%

Ao fim da sessão da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI ganharam US$ 0,99

Brent e os preços

O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em julho, novo mês de referência, fechou nesta quarta-feira em alta de 1,71%, aos US$ 58,98.

Ao fim da sessão da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI ganharam US$ 0,99 em relação ao fechamento de ontem.

O aumento na cotação do WTI, petróleo de referência nos Estados Unidos, foi atribuído ao anúncio de que as reservas de petróleo no país diminuíram 2,7 milhões de barris na semana passada, segundo dados do Departamento de Energia.

É a terceira semana consecutiva de queda nas reservas. Além disso, a redução anunciada hoje é muito superior à calculada pelos analistas (entre 1,1 e 2 milhões de barris).

Com essa diminuição, as reservas alcançaram 482,2 milhões de barris. Mesmo assim, esse nível continua sendo o maior em 80 anos para esta época, o que confirma o excesso de oferta no mercado.

Os contratos de gasolina para entrega em junho subiram US$ 0,05 e fecharam a US$ 2,04 o galão, e os de gasóleo de calefação ganharam US$ 0,02, fechando cotados a US$ 1,95.

Já os contratos de gás natural para entrega em junho fecharam em queda de US$0,03, aos US$ 2,92 para cada mil pés cúbicos.

Com Ag.EFE

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia