Barril do Texas fecha em alta de 2,19%

Ao final da sessão na Bolsa Mercantil de Nova York, os contratos futuros para entrega em agosto subiram US$ 1,13

Brent e  os preços

O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta quinta-feira em alta de 2,19%, aos US$ 52,78, a primeira alta desse mês.

Ao final da sessão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros para entrega em agosto subiram US$ 1,13 em relação ao fechamento de ontem.

A última vez que o WTI fechou com lucro foi dia 30 de junho, e desde então opera em baixa por diferentes motivos, entre eles a incerteza sobre a crise financeira da Grécia.

Além disso, o mercado está acompanhando de perto o curso das negociações do Irã com o G5+1 sobre seu programa nuclear, diante da possibilidade de serem suspensas sanções econômicas impostas à República Islâmica.

Isso permitiria ao Irã um acesso maior aos mercados internacionais de petróleo.

O prazo fixado para estas negociações é amanhã, sexta-feira, e o secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, advertiu hoje que as conversas “não podem durar para sempre” e reconheceu que há “assuntos difíceis” que ainda não foram resolvidos.

Os contratos de gasolina para entrega em agosto subiram US$ 0,05, para US$ 2,05 o galão, e os de gasóleo para calefação ganharam US$ 0,02, para US$ 1,74.

Já os contratos de gás natural para entrega em agosto fecharam em alta de US$ 0,04 e encerraram o dia cotados a US$ 2,73 para cada mil pés cúbicos.

Com AgEFE

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia