Barril do Texas fecha em alta de 2,49% e bate recorde do ano

WTI estava abaixo dos US$ 60 o barril desde 11 de dezembro

Brent e os preços

O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta terça-feira em alta de 2,49%, aos US$ 60,40, o maior valor do barril este ano.

Ao fim da sessão da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em junho subiram US$ 1,47 em relação ao fechamento de ontem.

Os analistas justificaram a alta de hoje aos relatórios que indicaram problemas no embarque de petróleo desde a Líbia por causa de um protesto no terminal de Zweitina, de onde saem 14% do petróleo do país.

A subida também foi atribuída a alta desta terça-feira ao leve aumento dos preços que a Arábia Saudita aplica ao petróleo vendido para a Europa e a América do Norte.

O WTI estava abaixo dos US$ 60 o barril desde 11 de dezembro. Os preços internacionais do petróleo vêm caindo desde o segundo semestre do ano passado por causa de um excesso de oferta no mercado.

Os contratos de gasolina para entrega em junho subiram US$ 0,03 e fecharam em US$ 2,06 o galão. Os de gasóleo de calefação para entrega no mesmo mês ganharam US$ 0,02, para US$ 2,01.

Já os contratos de gás natural para entrega em junho perderam US$ 0,04, para US$ 2,78 para cada mil pés cúbicos.

Com Ag, EFE

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia