Barril do Texas fecha em baixa de 1,64%

No final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York, os contratos futuros para entrega em julho desceram US$ 1

Brent e  os preços

O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em julho fechou nesta sexta-feira em baixa de 1,64%, para US$ 59,72 o barril, terminando a semana abaixo da barreira dos US$ 60.

No final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros para entrega em julho desceram US$ 1 em relação ao fechamento de ontem.

Depois de ter fechado a US$ 0,01 de seu máximo anual na quinta-feira, o petróleo de referência no país retrocedeu posições em um dia marcado pela publicação de um dado pior que o esperado sobre a inflação.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) subiu 0,1% em abril, mas a inflação acumulada nos últimos 12 meses ficou em terreno negativo (-0,2%), em um mês no qual os preços da energia caíram 1,3%.

Apesar da queda de hoje, o petróleo do Texas acumulou a décima semana consecutiva de alta, embora continuem as dúvidas entre os operadores do mercado de matérias-primas pelo excesso de oferta nos mercados.

Os contratos de gasolina para entrega em junho desceram US$ 0,03 até US$ 2,05 o galão, enquanto os de gasóleo de calefação retrocederam US$ 0,04 até US$ 1,95 o galão.

Já os contratos de gás natural para entrega em junho caíram US$ 0,07 e terminaram cotados a US$ 2,88 por cada mil pés cúbicos.

Com Ag.EFE

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia