OGX e OGpar devolvem o Campo de Tubarão Azul à ANP

As companhias estão em fase de preparo e negociação da contratação de prestadores de serviços que irão participar deste processo

Divugação

A OGX e OGpar, as duas em Recuperação Judicial, informaram nesta terça-feira, através de Fato Relevante à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que depois de um ano de suspensão da produção no Campo de Tubarão Azul, as companhias já solicitaram a devolução de concessão à Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Segundo o comunicado, as companhias não encontraram uma alternativa viável para retomar as atividades no Campo e, na condição de operadora, a OGX irá iniciar o processo de desativação e abandono em conformidade com as normas da agência reguladora e órgãos reguladores de meio ambiente.

As companhias estão em fase de preparo e negociação da contratação de prestadores de serviços que irão participar deste processo.

No entanto, ressaltaram que parte dos recursos destinados ao processo de desativação e abandono do Campo de Tubarão Azul foi depositada em conta de garantia em favor da ANP, em cumprimento ao acordo.

0 acharam esta informação útil

0 não acharam esta informação útil

Assuntos desta notícia